ZYJ 737 - 5.000 WATTS - SÃO JOSÉ DO CEDRO - SC
Você está em:
Mudar o tamo da letra A+ A-

NOTÍCIAS

08.11.2018 |

Quem foi ao supermercado em busca de tomates nos últimos dias levou um susto


O preço do quilo do produto chegou a oito reais em alguns estabelecimentos.

Mas, essa não é uma realidade local. A alta dos preços cobrados pela venda do tomate se deu em toda a região.

Segundo a supermercadista de São José do Cedro, DULCE ROMÃ, o custo de compra do tomate também subiu e a justificativa dos fornecedores é a baixa oferta.

Ela explica que o tomate revendido na região vem da região Sudeste e os supermercados precisam repassar o aumento, assim como acontece nos casos de baixa, ao consumidor.

O tomate que, em média, era comercializado na faixa de 3 reais e 50 centavos a quatro reais nesse período do ano, agora vinha sendo vendido na faixa de sete a oito reais o quilo.

Segundo levantamento do Dieese, Departamento Intersindical de estatísticas e Estudos Socioeconômicos, o preço do tomate subiu 111,54% nos últimos 12 meses na capital de Santa Catarina.

Porém, as notícias para quem gosta, ou precisa, comprar hortifrutigranjeiros não são muito animadoras, de uma forma geral, para este fim de ano.

É que o excesso de chuvas, registrado especialmente em outubro, fez com que muitas plantações fossem perdidas e ainda atrasou novos plantios.

No Oeste de Santa Catarina, pela análise da Epagri-Ciram, choveu em torno de 100 milímetros a mais do que a média normal para um mês de outubro.

E, conforme a supermercadista de São José do Cedro, DULCE ROMÃ, já havia dito ao explicar a razão para a alta dos preços do tomate, a mesma regra de oferta e procura vale para os demais hortifrutigranjeiros.

 

Compartilhar

ENQUETE

Qual estilo musical você gostaria de ouvir na Integração?

  • Sertanejo
  • Bandas
  • PopRock
  • Samba/Pagode
  • Romântica
votar resultado

TEMPO



ATENDIMENTO

(49) 3643.0211       

 



© 2018 - Rádio Integração do Oeste Ltda.                      Portal Tri