ZYJ 737 - 5.000 WATTS - SÃO JOSÉ DO CEDRO - SC
Você está em:
Mudar o tamo da letra A+ A-

FOTOS

11.06.2019 |

Vereadores de São José do Cedro debatem apagões recorrentes e cobram da CELESC seriedade e respeito para com a comunidade


 

Na sessão ordinária da Câmara Cedrense, realizada na noite de ontem, o vereador JOÃO DE ANDRADE (MDB) elaborou um pedido de informações endereçado à gerência Regional da Celesc de São Miguel do Oeste.

O vereador do MDB pediu que a Celesc informe quais as razões das constantes interrupções no fornecimento de energia elétrica, ocorridos nos últimos dias em São José do Cedro e em vários municípios da região.

ANDRADE lembrou que o pedido tem o objetivo de prestar as informações para a sociedade do que está ocorrendo, quais as reais causas dos apagões que vem resultando em constantes prejuízos para quem mora na cidade e no interior.

O vereador do MDB citou que a atual rede de energia é do ano de 1978. "De lá para cá, a nossa população triplicou e investimento em melhorias, modernizações, não foram feitas. O serviço que a Celesc presta para nossa população é de péssima qualidade", comentou ANDRADE.

O vereador prosseguiu dizendo que a população não aguenta mais esta situação. Lembrou que do jeito que o serviço está ocorrendo, em breve, vai ocorrer um colapso.

O vereador IRONI FEDRIZZI, também do MDB, concordou com o requerimento. Lembrou que hoje, cada cedrense que precisa de um serviço ou ampliação, precisa pagar e doar para a Celesc.

"Cada poste você precisa pagar e doar para a Celesc. Eles não dão nada de graça e, ainda por cima, o serviço deixa muito a desejar", comentou FEDRIZZI.

O vereador CLÁUDIO WARTHA (PSDB) afirmou que as justificativas dadas no dia de ontem na imprensa regional, por parte do Gerente Regional da Celesc, foram fracas e não convenceram.

"Hoje temos as redes sociais que ampliaram a voz das pessoas. Acompanhamos dezenas de reclamações de pessoas que tiveram problemas. São dois apagões grandes em menos de 15 dias. Precisamos de investimentos para que isso não ocorra", opinou WARTHA.

O vereador citou que a informação que o gerente da Celesc trouxe ontem, de que em pouco mais de duas horas, a energia foi restabelecida não é verdade.

WARTHA disse que vários agricultores de Padre Réus e Mariflor, por volta das 10 horas da manhã de domingo, ainda não tinham a energia normalizada. O vereador pediu mais respeito com nossa cidade que produz.

"O que me causou estranheza foi o tom de deboche que o gerente da Celesc falou na entrevista que, as pessoas que acharem que tiveram problemas, que procuram a justiça. A população é patrão do pessoal da Celesc. Eles devem explicações", frisou WARTHA.

A vereadora MÁRCIA DEMOSSI (progressistas) também comentou sobre o assunto. Pediu que o serviço por parte da Celesc seja melhor ofertado.

O pedido de informações de JOÃO DE ANDRADE foi aprovado e será encaminhado nesta semana para a gerência da Celesc de São Miguel do Oeste.

 

 

Foto: Divulgação Web/Ilustração

Compartilhar

ENQUETE

Qual estilo musical você gostaria de ouvir na Integração?

  • Sertanejo
  • Bandas
  • PopRock
  • Samba/Pagode
  • Romântica
votar resultado

TEMPO



ATENDIMENTO

(49) 3643.0211       

 



© 2019 - Rádio Integração do Oeste Ltda.                      Portal Tri