ZYJ 737 - 5.000 WATTS - SÃO JOSÉ DO CEDRO - SC
Você está em:
Mudar o tamo da letra A+ A-

FOTOS

16.01.2021 |

A Unoesc São Miguel do Oeste está com as inscrições abertas para dois novos cursos de graduação no Seletivo Especial


 

Engenharia Mecânica e Engenharia Biomédica serão cursos presenciais, com aulas três vezes por semana no campus, no período noturno, e terão duração de cinco anos.

O diretor acadêmico, doutor EDUARDO OTTOBELLI CHIELLE, explica que os cursos possuem uma estrutura moderna, com laboratórios prontos para o desenvolvimento de atividades práticas. Além disso, os estudantes terão aula com corpo docente qualificado, formado por mestres e doutores.

Ele observa que o curso de Engenharia Biomédica tem o objetivo de formar profissionais capazes de atuar de forma inovadora na identificação e resolução de problemas nas áreas de Instrumentação Biomédica, Sistemas Diagnósticos e Engenharia Clínica e Hospitalar.

A profissão é regulamentada desde 2008, e o registro profissional é concedido pelo Conselho Federal de Engenharia e Agronomia.

Por envolver áreas distintas do conhecimento dentro das Ciências Exatas e da Saúde, o profissional encontra um mercado de trabalho promissor em empresas desenvolvedoras de tecnologias médicas, assim como em hospitais e em centros de pesquisa, que desenvolvam estudos nesta área.

Já o curso de Engenharia Mecânica da Unoesc formará profissional apto a projetar, construir, supervisionar e gerenciar a manutenção de componentes, máquinas e equipamentos.

O acadêmico também aprenderá a projetar sistemas de aquecimento e de refrigeração e ferramentas da indústria mecânica. Além disso, pode coordenar e realizar pesquisas, efetuar vistorias e perícias, fiscalizar obras, entre outros.

O engenheiro mecânico, depois de formado, pode abrir o próprio negócio, atuar na indústria de máquinas e na produção automobilística, de equipamentos e produtos. Além disso, pode atuar na indústria de mineração e petróleo, mecânica, metalúrgica e siderúrgica.

O diretor acadêmico da Unoesc São Miguel do Oeste observa que o Extremo-oeste catarinense precisa de profissionais qualificados, que buscam o desenvolvimento de inovações tecnológicas e aplicação delas.

"Um dos principais pilares da economia de São Miguel do Oeste e da sua região de abrangência está centrado na indústria metalúrgica, mecânica e alimentícia. Além disso, o Oeste catarinense é caracterizado por uma economia diversificada e em desenvolvimento, abrangendo a produção de máquinas e equipamentos, materiais de construção, produção de alimentos, agroindústria e confecções", assinala EDUARDO CHIELLE.

Ele acrescenta que pesquisas apontam que uma das maiores dificuldades enfrentadas pelas indústrias da região é a qualificação profissional, sendo que uma pequena parcela dos colaboradores possui nível superior.

 

Compartilhar

ENQUETE

Qual estilo musical você gostaria de ouvir na Integração?

  • Sertanejo
  • Bandas
  • PopRock
  • Samba/Pagode
  • Romântica
votar resultado

TEMPO



ATENDIMENTO

(49) 3643.0211     



© 2021 - Rádio Integração do Oeste Ltda.              Portal Tri