ZYJ 737 - 5.000 WATTS - SÃO JOSÉ DO CEDRO - SC
Você está em:
Mudar o tamo da letra A+ A-

FOTOS

23.02.2021 |

Superintendente do Dnit garante que retomada das obras da BR-163 aconteceu ontem


Superintendente do Dnit garante que retomada das obras da BR-163 aconteceu ontem, conforme previsão feita na semana passada

"Uma obra rodoviária não se inicia só quando tem equipamentos", justificou o superintendente Estadual do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes em Florianópolis, RONALDO CARIONI.

Em entrevista à Rádio Integração, ele garantiu que o prazo para a retomada das obras de revitalização e ampliação da capacidade da BR-163, recomeçando pelo elevado em São José do Cedro, foi cumprido.

O superintendente explicou que a fase de projetos foi vencida e a empresa vencedora da licitação, TORC de Minas Gerais, foi autorizada pelo Dnit a reiniciar os trabalhos.

O que acontece, segundo CARIONI, é que para a instalação de um canteiro de obras, geralmente, as empresas contratam mão de obra na própria região, viabilizam local para alojamento dos servidores, definem quem vai fornecer alimentação, quem vai fornecer ferro, concreto, os insumos para a obra.

"Esse procedimento é feito em qualquer local do país. Quando a gente fala que a obra será reiniciada, não quer dizer que o maquinário estará na rodovia, trabalhando naquele dia determinado. Há todo um trabalho de preparação para a retomada", justificou CARIONI.

Segundo ele, há ainda a necessidade de um novo levantamento topográfico para repassar as informações aos operadores das máquinas, a fim de que a execução da obra saia conforme projetado. Os profissionais da empresa, responsáveis por esta etapa, já estariam na região.

Outra iniciativa, de acordo com a explicação do superintendente do Dnit à Rádio Integração, é que deverão ser colocadas placas de identificação da obra ao longo da rodovia. Ela está orçada em 210 milhões de reais.

"Quero deixar todos tranquilizados. Esse tempo é chamado de mobilização para a obra e já está contando no tempo de execução. Mas, creio que a população vai sentir uma velocidade maior um pouco mais para frente" observou CARIONI.

Ele completou dizendo que "as pessoas não estão acostumadas com obras rodoviárias desse porte" e comparou com a construção de uma casa. "Um pedreiro não vai chegar para construir e começar assentar os tijolos no primeiro dia, primeiro ele vai planejar a execução e levar os equipamentos até lá", pontuou.

Fato é que os moradores do Extremo-oeste, depois de tantas promessas de retomada dos trabalhos, autorizados há oito anos e que deveriam ter ficado prontos em 2015, estão descrentes. Uma das razões é a limitação financeira para a execução dos serviços. Por enquanto, estão garantidos apenas 15 milhões de reais no orçamento da União. Há perspectiva de mais uma parcela semelhante para o orçamento de 2021 e de uma emenda de bancada, que ainda precisam ser confirmadas.

Mas, o superintendente estadual do Dnit, RONALDO CARIONI, afirmou que desta vez é diferente.

"A obra já começou e não vai atrasar. A gente vai ter, se Deus quiser, até o final do ano uma bela obra no acesso a São José do Cedro", finalizou o representante do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes, dizendo que toda obra tem prazo de três anos para a conclusão.

 

Compartilhar

ENQUETE

Qual estilo musical você gostaria de ouvir na Integração?

  • Sertanejo
  • Bandas
  • PopRock
  • Samba/Pagode
  • Romântica
votar resultado

TEMPO



ATENDIMENTO

(49) 3643.0211     



© 2021 - Rádio Integração do Oeste Ltda.              Portal Tri