ZYJ 737 - 5.000 WATTS - SÃO JOSÉ DO CEDRO - SC
Você está em:
Mudar o tamo da letra A+ A-

NOTÍCIAS

15.03.2019 |

A coordenação regional da Defesa Civil emitiu nota alertando a população sobre as medidas a serem tomadas quanto à proliferação do mosquito Aedes Aegypti


 

No texto, o órgão destaca que a população precisa se conscientizar e unir forças com o poder público na luta contra o isento.

"Além de transtornos à humanidade, a situação também causa problemas à Administração Pública e aos cofres governamentais", enfatiza nota enviada a imprensa.

Conforme a Defesa Civil, os valores necessários para uma ação de resposta no caso de epidemia são muito maiores do que a quantidade investida na prevenção.

O órgão frisa que o caso é complexo, pois há registros do transmissor da dengue, da febre chikungunya e do zika vírus em todos os municípios da região.

Em Saudades e Palmitos foram confirmados casos de dengue contraídos fora da região, no entanto, para a Defesa Civil, as chances de epidemia aumentam com esses registros.

O último boletim da Dive, Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina aponta que no período de 30 de dezembro de 2018 a 9 de março de 2019, foram identificados 8.172 focos do mosquito Aedes aegypti em 153 municípios.

Comparado ao mesmo período de 2018, quando foram identificados 5.320 focos em 121 municípios, houve um aumento de 53,6% no número de focos identificados.

São considerados infestados 77 municípios. A maioria deles no Oeste catarinense e em cidades litorâneas.

Entre eles estão: São José do Cedro, Princesa e Guarujá do Sul.

 

Compartilhar

ENQUETE

Qual estilo musical você gostaria de ouvir na Integração?

  • Sertanejo
  • Bandas
  • PopRock
  • Samba/Pagode
  • Romântica
votar resultado

TEMPO



ATENDIMENTO

(49) 3643.0211       

 



© 2019 - Rádio Integração do Oeste Ltda.                      Portal Tri